segunda-feira, 14 de abril de 2014

Stonehenge à Gandaresa?

Quando vi ao longe as estranhas formas assumidas pelas ruínas de uma antiga casa tradicional gandaresa (feita de adobes e pedra calcária), a primeira ideia que ocorreu na minha mente, durante algumas fracções de segundo, foi associar as suas formas com as de alguns antigos monumentos megalíticos, nomeadamente com o de Stonehenge, um dos mais conhecidos a nível mundial. 
Claro que esta casa é muito mais recente do que as pedras milenares de Stonehenge, devendo ter sido construída algures entre 150 a 300 anos atrás. O facto de as casas gandaresas (ou gandarezas) serem construídas sobretudo com adobes (a que se juntava alguma pedra calcária e madeira); um material pouco durável, mas de fabrico acessível nesta região de solo maioritariamente arenoso ou barrento e quase sem pedra; fez com que estas casas tivessem uma duração temporal e uma habitabilidade limitadas, que dificilmente ultrapassava um século. Normalmente eram construídas pelo seu dono antes do casamento, para aí viver o resto da sua vida juntamente com a sua esposa e filhos não emancipados. Por isso se diz na região que uma casa gandaresa costuma durar o mesmo que uma vida humana.
Deixo aqui algumas fotos tiradas a esta antiga casa gandaresa, durante uma volta de bicicleta ao fim da tarde, em Abril de 2014. O local fotografado situa-se na aldeia da Sanguinheira de Baixo, na Freguesia da Sanguinheira e Concelho de Cantanhede. Por curiosidade, metade das minhas raízes familiares provém das proximidades deste local!

Strange Ruins:

When i first saw the strange shape of this ancient house in ruins, from a distance of more than 100 yards, the first image who appeared in my mind during a split of second, was the image of some prehistoric monuments, like Stonehenge.

These ruins belong to an ancient "Casa Gandaresa", the old traditional houses from this region, built mostly with adobes, but also with wood and limestone in some parts. Of course this house is not so old as Stonehenge, built thousands years ago. It must have been built some 150 to 300 years ago.

With the construction materials available in the region in the past (adobes of average quality, wood and lack of stone), this poor and small houses had a life expectancy of little more than a century.

These houses were usually built by young male adults (18-27 years), before the marriage. So, the couple lived the rest of their lives there. A few years after the deaths of the owners, the houses started to die slowly too...

The pictures were taken in April of 2014, during a bike ride. This place is located in the village of Sanguinheira de Baixo (in the Civil Parish of Sanguinheira and Municipality of Cantanhede).




Localização / Location:

1 comentário:

jorge guerra disse...

Bem apanhado. E divertido. Parece até que esta área entre a Sanguinheira e Cadima tem todo o tipo de antiguidades a céu aberto (mas sem a idade de Stonehenge :) ).